sexta-feira, 5 de setembro de 2008

MAM RECEBE INSCRIÇÕES PARA O 15º SALÃO DA BAHIA

O Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM) recebe, até 15 de setembro, inscrições de artistas de todo o país para o 15º SALÃO DA BAHIA. O Salão que ocorrerá de 15 de dezembro a 1º de março de 2009, visa fomentar a produção da arte contemporânea brasileira, expondo e premiando trabalhos de artistas e coletivos. “Além de incentivar a produção artística na área de Artes Visuais, o Salão da Bahia tem o objetivo de ser tornar uma plataforma de intercâmbio artístico e cultural no estado da Bahia”, declara Solange Farkas, diretora do MAM.

Em sua última edição, o evento refletiu um panorama da produção contemporânea em artes visuais do país, tendo recebido inscrições de mais de 1500 artistas e reunido um total de 2.332 trabalhos, provenientes de quase todos os estados brasileiros.

Podem participar do Salão da Bahia artistas ou coletivos brasileiros e estrangeiros legalmente residentes no Brasil há pelo menos cinco anos, que poderão inscrever até três obras inéditas, em qualquer formato, sendo que somente uma será selecionada. A ficha de inscrição e o regulamento completo do 15º Salão estão disponíveis no site do MAM, www.mam.ba.gov.br. Informações através do telefone (71) 3117 6037 ou do e-mail salao@mam.ba.gov.br.

Descentralização do Salão

Nesta edição, o Salão da Bahia traz mais uma novidade. No intuito de dialogar com toda a cidade, a exposição vai ocupar outros espaços expositivos, a exemplo de galerias e museus e alternativos, como o Passeio Público, além do próprio MAM. Segundo o assistente da direção, Daniel Rangel, “esses espaços serão escolhidos de acordo com sua relação com a contemporaneidade”.

Além de ganhar Salvador, o Salão da Bahia vai levantar novas propostas para dar maior visibilidade às Artes Visuais. “Durante a realização do Salão, teremos atividades paralelas a exemplo de encontros, debates e mesas redondas, palestras e até exposições de artistas convidados. A idéia é criarmos aqui o clima das bienais que ocorrem em outros lugares do mundo”, conta Solange Farkas.


Premiação

As obras que vão integrar o 15º Salão da Bahia serão definidas por uma comissão de seleção, composta por três especialistas com reconhecida atuação do segmento das artes visuais. Serão selecionados até 40 trabalhos, avaliados sob critérios como qualidade técnica; expressão, originalidade e criatividade; abrangência; posicionamentos artísticos e pluralidade das poéticas; e ineditismo (só serão aceitas inscrições de obras produzidas a partir de 2007 e inéditas em mostras na Bahia).

As obras selecionadas serão submetidas a um segundo júri, de premiação, composto por cinco especialistas que vão conceder nove prêmios, num total de R$ 223 mil. São seis prêmios de aquisição no valor de R$ 19 mil reais cada e três prêmios de residências artísticas, conferidos exclusivamente a artistas baianos. Duas delas internacionais, no valor de R$ 25 mil cada, e uma nacional, no valor de R$ 12.500. Estes valores serão destinados a cobrir custos de passagens aéreas, estadia, alimentação, transporte e produção de obras. Para os demais artistas selecionados também será destinada uma prêmio de participação, no valor de R$ 1.500.

DUO Informação e Cultura

O Jogo da Dissimulação

O Jogo da Dissimulação

Se Toque!

Se Toque!

PERIGO NO AR !

PERIGO NO AR !
Clique aqui

Ditadura - Quando terminou mesmo...?

Suburbio Ferroviário - Galeria